2 comentários:
De Eduardo Louro a 17 de Novembro de 2010 às 19:56
Viva Paulo,

Como tenho andado a dizer por aí, a "febre" do governo do bloco central ou de salvação nacional, como gostam mais de lhe chamar, é "fruto do tempo". Para o "establishment" é urgente empossar esse governo antes de "rebentar a bomba" das contas deste ano. Se não acontecer a tempo, antes de" a bomba rebentar", já não fará falta. E parece-me que também dava jeito que o FMI aparecesse por aí antes. Acho que continuarão a esforçar-se por isso!


De Paulo Sousa a 18 de Novembro de 2010 às 00:07
Ainda voltando ao Bloco Central, questiono-me onde fica a representatividade democrática que saiu da eleições anteriores?


Comentar post